Página Inicial

Se eu te disser que existe um método completo e seguro para você fazer sua Agrofloresta mesmo sem nenhuma experiência no campo ou formação técnica agronômica, com potencial de produzir R$ 30 mil de alimentos orgânicos em 1000 m2 você acredita?

Você já parou para pensar quanto você e sua família consomem de alimentos durante um ano? Uma família de 4 pessoas na cidade gasta por ano aproximadamente R$ 73.000,00. 

Surpreendente! Claro que neste custo estão embutidos os custos dos insumos que os produtores utilizam, transportes, processamento, embalagem, condicionamento, marketing, impostos, lucros industriais e empresariais.

 Desta forma, dividindo este gasto anual familiar por pessoa, concluímos que uma pessoa gasta R$ 18.250,00 de comida anualmente.

Então, para uma pessoa sobreviver hoje em uma cidade no Brasil ela precisa fazer R$ 1.520,00 por mês só para bancar sua alimentação. 

 Se fossemos considerar a qualidade – nutricional – do alimento e estimar todo o impacto ambiental dos insumos até chegar em nossa boca – desflorestamento, custo energético, gasto de água, poluição por agroquímicos e emissão de CO2 – essa conta certamente dobraria. E deve dobrar!

 Geralmente nós não paramos para pensar ou fazer essa conta. Até nós como técnicos que há mais de 12 anos acompanhamos a produção e exportação de alimentos no Brasil de diversas cadeias produtivas, foi surpreendente acreditar no potencial desses resultados.

Então, se considerarmos que uma pessoa adulta come em média 1kg por dia, são 365 kg por ano.  Assim, uma família de 4 pessoas necessita de 1.400 kilos de comida em um ano.

Todos nós sabemos que em 1 mil metros quadrados de agrofloresta é possível produzir até 8.000 kilos de alimentos orgânicos. Ou seja, você pode alimentar a sua e mais 4 famílias com apenas 1 mil m2 de canteiros agroflorestais sintrópicos.

E não é preciso ser um especialista ou um agricultor para ter esses resultados. Não precisa ter grandes áreas ou produção em larga escala, uma vez que esse sistema de produção é muito intensivo. E não precisa de altos investimentos, uma vez que o sistema é até 40% mais independente de insumos externos.

Isso por que nem consideramos nessa conta que além disso, você pode recuperar áreas degradadas e nascentes produzindo e que os agroecossistemas podem ser implantados em qualquer lugar do Brasil e do Mundo!